(15.03.13)


A sócia Josana Rosolen Rivoli foi empossada Conselheira Seccional para o triênio 2013/2015 em solenidade que ocorreu na noite do último dia 8 de março de 2013, no Teatro Bourbon Country, em Porto Alegre/RS.

Na ocasião, além da posse do Conselho Seccional, foi empossada a Diretoria da Seccional, Conselheiros Federais, Diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados (CAA/RS) e da Escola Superior da Advocacia (ESA).

O evento que reuniu a presença maciça da advocacia, também contou com a presença do Presidente e Vice-Presidente Nacional da OAB, Marcus Vinícius Furtado Coêlho e Claudio Lamachia; o presidente da Ordem gaúcha, Marcelo Bertoluci; o vice-presidente, Luiz Eduardo Amaro Pellizzer; o secretário-geral, Ricardo Breier; a secretária-geral adjunta, Maria Cristina Carrion Vidal de Oliveira; o tesoureiro, Luiz Henrique Cabanellos Schuh; representando o governador do Estado, o assessor superior João Victor Domingues; representando a Câmara dos Deputados, Henrique Fontana; o prefeito de Porto Alegre, José Fortunati; representando a Assembleia Legislativa, Jorge Pozzobon; o presidente do TJRS, desembargador Marcelo Bandeira Pereira; o procurador-geral de Justiça, Eduardo de Lima Veiga; o defensor público-geral do Estado, Nilton Leonel Arnecke Maria; o senador da República Pedro Simon; a presidente do Instituto dos Advogados do RS, Sulamita Santos Cabral; o vice-presidente do TRF4, desembargador Luiz Carlos Lugon; o presidente da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, Thiago Duarte; e a presidente do TRT4, desembargadora Maria Helena Mallmann.

Também estavam presentes, prestigiando a solenidade, os sócios fundadores da Caleffi & Vanin Advogados, Raquel Guindani Caleffi e Ronaldo Vanin.

Cumpre destacar que o exercício do cargo de Conselheira Seccional é gratuito, sendo considerado serviço público de alta relevância. Dentre as competências do Conselho estão a de julgar, em grau de recurso, as questões decididas pelo Tribunal de Ética e Disciplina, bem como fiscalizar a aplicação da receita, apreciar, aprovar ou modificar o relatório financeiro anual, além de garantir a eficiência e padronização nacional do Exame de Ordem.

Visando e lutando pelo advogado valorizado, o Conselho defenderá as prerrogativas e a harmonia entre a classe, baseando-se em princípios éticos e disciplinares, buscando uma Democracia valorizada e digna para toda a sociedade.